PLANO
INDIVIDUAL

Mensal

R$ 33,90

Carência Zero

Sem carência para emergências e atendimento de urgência

Plano
Empresarial

Mensal

R$ 24,50

A partir de 3 vidas

Possibilidade de isenção de carência. Inclui documentação Ortodôntica

Ligação gratuita
Fale com um consultor:

(11) 4003-3644

Nós ligamos para você


Coberturas

Coberturas

Emergências e Urgência

Tratamento de canal

Restauração

Extração de siso

Obturação

Limpeza

Cirurgias

Documentação

Exames

RECEBER LIGAÇÃO
plano dental

plano dental

plano dental

Dicas a respeito do plano dental

Com o objetivo de evitar e tratar de doenças ou problemas bucais, a contratação de um plano dental de qualidade é a alternativa mais recomendada. Assim, o cliente consegue dar atenção de maneira adequada à saúde bucal, usando os diversos procedimentos odontológicos disponíveis.

Nesse contexto, é necessário destacar que o plano dental é uma opção que tem se popularizado ainda mais com o passar dos anos, já que a assistência odontológica se tornou bem mais acessível e ainda mostra uma cobertura satisfatória de procedimentos odontológicos. Aliás, existem vários benefícios ao adquirir esse tipo de plano, como a maior comodidade e praticidade em agendar consultas e exames, tratar doenças bucais e também preveni-las com a ajuda de equipes especializadas.

É importante lembrar que o cuidado adequado com a saúde bucal é um hábito que jamais deve ser negligenciado, já que afeta o funcionamento do corpo como um todo. Isso porque uma simples e aparentemente inofensiva dor de dente pode se tornar bem grave em pouco tempo, impossibilitando que o sujeito consiga seguir com as atividades cotidianas normalmente.

Benefícios de contratar um plano dental

Frequentar consultórios e clínicas odontológicas é um hábito que faz parte da necessidade de todas as pessoas, isso porque uma saúde bucal de qualidade é o que permite aos indivíduos a realização de atividades desde simples até complexas, como mastigar e trabalhar. Assim, em busca de maior comodidade e facilidade, as pessoas têm procurado cada vez mais a contratação de algum plano dental.

É importante destacar que a contratação de um plano dental se tornou muito importante para as pessoas que se preocupam com a saúde bucal e não deixam de lado o cuidado correto com a cavidade interna bucal. Nesse contexto, é preciso destacar que há diferentes opções de planos disponíveis para que o indivíduo possa selecionar o modelo que apresente o custo-benefício mais interessante, mas, em geral, todos eles apresentam as seguintes vantagens:

  • Tempo de carência reduzido em relação aos planos de saúde em geral;
  • Equipes altamente capacitadas e especializadas;
  • Tratamentos preventivos e corretivos, como endodontia, periodontia e tratamento de mau hálito;
  • Custo-benefício mais interessante em relação às consultas em consultórios particulares;
  • Cobertura em todo o Brasil.

Dados fundamentais sobre o plano dental

plano dentalDe acordo com a última pesquisa realizada pelo Conselho Federal de Odontologia, há 307 mil dentistas no Brasil, no qual a média gira em torno de 676 brasileiros para cada profissional. Dessa quantidade, mais da metade deles se concentra somente na região sudeste, que é cerca de 53%. Nesse sentido, boa parte deles têm começado a se conveniar ao plano dental.

Sendo assim, por causa dos preços mais acessíveis, o plano dental tem se popularizado bastante entre os brasileiros. Dados mostram que mais de 25 milhões de pessoas no Brasil já tem algum tipo de plano dental, lembrando que, de acordo com a Agência Nacional de Saúde (ANS), esse número pode dobrar nos próximos cinco anos.

Dessa maneira, com o objetivo de economizar no tratamento ideal com a área da boca, os beneficiários vão, cada vez mais, buscar consultas, exames e tratamentos cobertos pelo plano dental.

As modalidades de plano dental

Como se sabe, há diversos benefícios para as pessoas que desejam contratar um plano dental, como os preços mais acessíveis e a ampla quantidade de cobertura dos procedimentos. Com isso, o beneficiário passa a ter o hábito de frequentar o consultório odontológico mais vezes, então se torna bem mais eficiente a prevenção e tratamento de problemas ou doenças bucais.

Nesse contexto, é necessário destacar que é raro existir um indivíduo que vai passar a vida inteira sem apresentar algumas das doenças ou problemas bucais mais comuns. Ainda que cuide da saúde bucal corretamente, nem sempre é possível fazer a prevenção dos problemas que aparecem nos dentes e na gengiva. Em tal situação, é necessário fazer uma visita ao dentista para que ele possa avaliar, diagnosticar e tratar o caso da forma adequada. Já para economizar durante esse processo, vale a pena contratar um plano dental. Nesse caso, existem as seguintes opções:

  1. Plano odontológico coletivo por adesão: com essa modalidade, os beneficiados costumam ser sindicatos e associações de determinadas profissões. Dessa forma, o plano odontológico coletivo por adesão avalia as características do grupo como um todo e não das pessoas de forma individual;
  2. Plano odontológico familiar: essa é uma das opções mais benéficas hoje em dia, já que é possível colocar os filhos, o casal, os pais e as mães dos contratantes do plano dental. No entanto, para que seja uma opção financeiramente acessível, é necessário analisar o perfil dos dependentes, considerando aspectos como a idade, as doenças pré-existentes e o estilo de vida de cada um. Isso porque todas essas questões influenciam no valor final do plano, por isso é essencial analisá-las com cautela;
  3. Plano odontológico individual: esse é um dos tipos de plano dental mais utilizados hoje em dia, permitindo que o indivíduo faça diversos tipos de procedimentos que estão cobertos no convênio. O plano odontológico individual é indicado para quem não deseja incluir outras pessoas e não tem um convênio da empresa. No entanto, ele costuma ser um dos tipos de convênios mais caros, que é o maior prejuízo desse plano;
  4. Plano odontológico empresarial: esse plano dental pode ser contratado por uma empresa privada ou pública e se apresenta como uma modalidade bem econômica, sendo descontado diretamente na folha de pagamento do empregado. Essa modalidade de plano dental pode ser adquirido por empresas de pequeno, médio e grande porte. Assim, o beneficiário não tem nenhuma relação com as burocracias e nem com os boletos mensais do plano, já que é a própria empresa ou, em outros casos, alguma empresa terceirizada, que se encarrega dessa responsabilidade.

Como optar por um plano dental de qualidade

Ter dentes perfeitos e saudáveis é o objetivo de muita gente que se importa com a aparência e a saúde da cavidade interna da boca. Nesse sentido, o mais aconselhado é procurar auxílio com o plano dental, já que o dentista é o profissional mais indicado para manter a saúde da cavidade interna da boca de qualidade ao mesmo tempo em que fornece um sorriso esteticamente agradável. E, fora isso, os convênios possibilitam que o beneficiado possa cuidar da saúde bucal sem gastar muito por isso. Até porque, como se sabe, os procedimentos em consultórios particulares podem ser bastante caros.

Nesse caso, para selecionar o plano dental com o custo-benefício mais bacana, é recomendável analisar certas questões importantes, como a reputação das opções do plano dental, a opinião dos clientes que contrataram os convênios avaliados, a quantidade de cobertura dos procedimentos odontológicos e o valor mensal ou anual cobrado pelos convênios. Aliás, é interessante analisar a carência dos procedimentos, a questão do reembolso e verificar se existe urgência e emergência disponíveis 24h pelo plano dental mais desejado.

Doenças bucais mais comuns tratadas no plano dental

Se antigamente diversas pessoas iam ao dentista quando estivesse com um problema bucal muito grave, hoje em dia já existe uma maior conscientização em relação à necessidade de tratar adequadamente a saúde bucal. Por conta disso, a contratação de um plano dental se tornou essencial para quem se preocupa com a saúde bucal e não deixa de lado o cuidado certeiro com os dentes e toda essa região.

Sendo assim, com o objetivo de cuidar melhor da saúde bucal, primeiro é necessário conhecer as principais doenças que aparecem nessa área. Como é um ambiente quente, úmido e escuro, a boca se mostra como uma potencial porta de entrada para a ocorrência de diferentes tipos de doenças, pois a proliferação de bactérias é mais fácil em regiões com essas características. Nesse sentido, as doenças mais comuns que aparecem nessa área são:

  1. Cárie: essa é uma doença bucal muito comum, sendo a principal causa que as pessoas marcam uma consulta no dentista, e aparece na boca por causa dos ácidos liberados durante a metabolização do açúcar ingerido. Esses ácidos causam a desmineralização dos dentes, o que provoca a erosão da dentina e do esmalte;
  2. Gengivite: a inflamação na região da gengiva em estágio inicial é chamada de gengivite. Causada pela placa bacteriana calcificada, que é o tártaro, essa doença periodontal provoca sintomas como vermelhidão, sangramento, sensibilidade, inchaço e mau hálito, por isso precisa de tratamento rápido;
  3. Afta: sendo uma pequena erupção na mucosa bucal, a afta aparece na boca por causa de um mau funcionamento do sistema imunológico, que entende os ferimentos pequenos na cavidade interna da boca como bactérias e, por isso, ataca-os;
  4. Periodontite: na fase mais grave da gengivite, desenvolve-se a periodontite, no qual os níveis de inflamação já estão bastante altos. Se não for tratada com agilidade e eficiência, é possível que o paciente perca os dentes ou sofra com o enfraquecimento deles por causa dessa doença.

Cobertura mínima do plano dental determinada pela ANS

A partir da contratação do plano dental, o beneficiário é capaz de adquirir o hábito de frequentar mais vezes o dentista e, assim, começa a ter uma saúde bucal de qualidade. Isso porque é recomendável ir ao consultório odontológico por, pelo menos, duas vezes no ano, com o objetivo de fazer a limpeza e avaliação geral da cavidade interna bucal.

Por mais que cada plano dental mostre uma cobertura específica, é necessário destacar que a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) exige uma lista mínima de procedimentos com os quais todos os convênios precisam arcar. Sendo assim, estão incluídas as radiografias oclusais, em que o objetivo é acompanhar o nascimento e crescimento do dente, radiografia periapical (exame de coroas, raízes e ossos dos dentes) e radiografia bite-wing, a fim de analisar o alinhamento entre as arcadas dentárias.

Ainda existem os procedimentos de nível baixo, em que estão incluídas a consulta inicial para análise, aplicação de flúor, remoção de tártaro, profilaxia (limpeza), restauração e tratamento de cáries. Quanto aos procedimentos de nível médio, estão os curativos e suturas, periodontia (tratamento e cirurgia da gengiva), colagem de fragmentos. Por fim, existem os procedimentos de nível alto, que incluem a exodontia (extração dos dentes), endodontia (tratamento de canal), biópsia e cirurgias de pequeno porte.

Os sintomas do nascimento do siso

plano dentalConhecido também como dente do juízo, queiro ou terceiro molar, o siso geralmente nasce por volta dos 17 aos 25 anos. Em diversos casos, quando acontece a erupção, o dente começa a inflamar com frequência ou dificulta o alinhamento correto da arcada dentária, o que pode provocar profundo incômodo na área da boca.

No geral, as pessoas apresentam dois sisos inferiores e dois superiores, mas nem sempre todos nascem. Nesse caso, são chamados de sisos inclusos, que existem na arcada dentária, mas dentro da gengiva e não acontece a erupção. Ainda assim, eles podem proporcionar dor e, em certas situações, é preciso removê-los caso estiverem fazendo pressão sobre os dentes adjacentes.

Nesse contexto, enquanto algumas pessoas não apresentam sintomas do siso nascendo, outras sentem dores intensas e vários outros sinais. Dessa maneira, alguns dos sintomas mais clássicos que indicam a erupção desse dente são:

  • Gânglios inflamados na área do pescoço ou embaixo da mandíbula;
  • Presença de mau hálito;
  • Aparecimento de inchaço na região onde o siso está nascendo;
  • Inchaço gengival;
  • Dor de dente, de cabeça, nos maxilares e no ouvido;
  • Dor ao mastigar com a região posterior da boca;
  • Aparecimento de enxaqueca.

Necessidades de remoção do siso

É preciso destacar que a extração do siso pelo plano dental é um procedimento bem comum e feito amplamente em consultórios, seja por um cirurgião dentista ou um cirurgião bucomaxilofacial. Nesse sentido, uma das causas mais comuns para fazer a extração é a pressão. Já que o empurramento nos dentes ao redor do siso podem ocasionar o desalinhamento da arcada, causando a necessidade de iniciar um tratamento ortodôntico para corrigi-la.

Outra causa para a retirada do siso é a dor. Afinal de contas, alguns pacientes relatam sentir dores frequentes na face provocadas pelo siso, chegando a alcançar regiões como mandíbula e ouvido. Em outros casos, os sisos podem estar conectados com a raiz dos segundos molares, causando dor e, em algumas situações, a necessidade de realizar o tratamento de canal.

Fora isso, existem as lesões císticas. Os sisos inclusos podem causar lesões císticas, já que, quando estão na gengiva, esses dentes estão protegidos por um composto de células embrionárias que pode se expandir e originar um líquido no seu interior. Outra causa comum de retirada é o abscesso, já que o acúmulo de restos de comida entre o siso e a gengiva pode ocasionar o abscesso, que é o aparecimento de pus.

Há também a alteração provocada por esse dente, pois o siso pode alterar funções essenciais do organismo, como a fala e a mastigação. Por último, uma causa frequente de retirada desse dente é a frequente ocorrência da inflamação do siso, conhecida como pericoronarite. Isso acontece porque o siso não é corretamente higienizado, já que a sua posição dificulta a escovação adequada, então ele passa a inflamar com frequência por acumular e proliferar bactérias.

Remoção do siso pelo plano dental

Na primeira parte da cirurgia para a retirada do siso pelo plano dental, o cirurgião aplica uma anestesia local próxima ao dente que será removido e, logo depois, realiza uma incisão na gengiva para poder enxergar melhor o siso. Se ainda não tiver ocorrido a erupção do dente, o cirurgião primeiro precisa retirar o osso que está cobrindo o siso para depois conseguir removê-lo. Na fase final do processo, o profissional do plano dental também tira qualquer resquício de osso ou dente que tenha ficado na área onde ocorreu a cirurgia.

Nos casos mais simplificados, o siso pode ser retirado completamente de uma vez só. Já em casos mais complexos, é necessário quebrar o dente e retirá-lo parte por parte. Em média, o tempo para extrair o siso dura em torno de 30 minutos, mas também pode levar apenas cinco minutos em algumas situações e várias horas em outros casos. Dessa maneira, a duração da cirurgia pelo plano odontológico carência varia de acordo com a gravidade do caso do paciente.

Depois da realização da extração do siso, é fundamental que o paciente siga corretamente as instruções dadas pelo profissional em relação à recuperação pós-operatória. Nesse sentido, de modo geral, recomendam que o paciente faça a ingestão de comidas pastosas e nutritivas, fique em repouso e não ingira bebida alcoólica e não consuma cigarro.

Cirurgia gengival feita pelo plano dental

A saúde bucal depende da qualidade de todos os seus componentes, como as gengivas, os dentes e a língua. Nesse caso, é necessário ter atenção especial à área gengival, que pode adquirir doenças periodontais. Elas são caracterizadas como infecções bacterianas graves capazes de prejudicar a estrutura dos dentes e o tecido da gengiva, precisando assim fazer a cirurgia gengival.

Capaz de afetar um ou então mais dentes, a doença periodontal ainda pode ocasionar vermelhidão e inchaço. Nesse sentido, é necessário destacar que é estimado que 80% dos adultos contam com algum tipo de problema na região gengival. E, em diversos desses casos, é importante fazer uma cirurgia e, para baratear esse procedimento, vale a pena contratar o plano dental.

É importante destacar ainda que a periodontia é a área da odontologia que trata da região gengival. Assim, é possível realizar três diferentes tipos de cirurgia gengival pela especialidade da periodontia no plano dental:

  1. Gengivectomia: o objetivo dessa cirurgia é remover o excesso de tecido da gengiva e promover uma melhoria na limpeza dos dentes. Para que essa operação possa ser feita, é necessário aplicar uma anestesia local na região gengival;
  2. Gengivoplastia: para remodelar o tecido gengival saudável perto dos dentes, no qual o objetivo é aprimorar sua aparência, é feita a gengivoplastia. Caso o paciente tenha retração gengival (afastamento da gengiva em relação ao dente), pode ser realizada a operação. Além, pode ser feito também um enxerto, operação na qual ocorre a retirada do tecido do palato, que posteriormente é inserido no local onde houve a retração;
  3. Retalho gengival: se o paciente estiver com bolsas periodontais com mais de 5 milímetros de extensão, é importante reduzi-las. Nesse caso, grande parte das pessoas com periodontite deve passar por esse procedimento, em que o profissional corta o tecido gengival com o objetivo de separá-lo do dente, promovendo uma limpeza geral na região. Logo após, com o uso de um aparelho ultrassônico e de forma manual, o dentista remove o tártaro, a placa e película que fica abaixo das bolsas.

Aparecimento da doença periodontal

plano dentalA doença periodontal surge por conta do acúmulo de bactérias ao redor do dente, que se multiplicam e formam a placa bacteriana. Se não for retirada, o tecido gengival próximo à ela pode inflamar e causar a gengivite. De modo geral, a placa bacteriana e os resíduos de alimentos geralmente são eliminados com hábitos diários de cuidado com a higiene bucal, já que assim é possível fazer a limpeza da superfície dos dentes e eliminação da placa bacteriana na linha da gengiva.

Por outro lado, se tais componentes não forem removidos de forma correta, a gengivite pode se agravar e formar a periodontite. Com isso, o tecido gengival começa a inflamar mais ainda, causando sangramento e formação de bolsas entre a gengiva e o dente, fazendo aparecer a doença periodontal.

Tal doença é capaz de afetar de maneira negativa a raiz do dente, estimulando o seu amolecimento. Dessa forma, o paciente precisa se consultar rapidamente com um periodontista do plano dental para solucionar o caso, eliminando assim as bolsas periodontais, tártaros e placas bacterianas.

Como cuidar de forma adequada da saúde bucal

Com o intuito de evitar o surgimento de diferentes doenças bucais, o primeiro passo é iniciar a cuidar da alimentação. Isso significa, portanto, consumir mais alimentos saudáveis e evitar produtos açucarados ou com muito carboidrato, que facilitam a proliferação de diversas bactérias.

Além disso, é preciso fazer a escovação diária de forma adequada, com a união da escova de dente, fio dental e antisséptico bucal. A escova de dente e o fio dental precisam ser utilizados na região bucal logo após as refeições, já o antisséptico é recomendado antes de dormir. Afinal, durante o sono, a produção salivar reduz e a área se torne propensa a desenvolver bactérias, então o antisséptico auxilia a deixar a região higienizada por mais tempo.

Esses são os cuidados básicos que o paciente pode realizar em casa, mas para tratar da saúde bucal de maneira mais efetiva, ele necessita de ajuda profissional. Com isso, é imprescindível visitar o dentista regularmente, de preferência duas vezes por ano. Assim, torna-se bem mais fácil evitar vários problemas bucais.

Regiões onde atendemos

  • Aclimação
  • Bela Vista
  • Bom Retiro
  • Brás
  • Cambuci
  • Centro
  • Consolação
  • Higienópolis
  • Glicério
  • Liberdade
  • Luz
  • Pari
  • República
  • Santa Cecília
  • Santa Efigênia
  • Vila Buarque
  • Brasilândia
  • Cachoeirinha
  • Casa Verde
  • Imirim
  • Jaçanã
  • Jardim São Paulo
  • Lauzane Paulista
  • Mandaqui
  • Santana
  • Tremembé
  • Tucuruvi
  • Vila Guilherme
  • Vila Gustavo
  • Vila Maria
  • Vila Medeiros
  • Água Branca
  • Bairro do Limão
  • Barra Funda
  • Alto da Lapa
  • Alto de Pinheiros
  • Butantã
  • Freguesia do Ó
  • Jaguaré
  • Jaraguá
  • Jardim Bonfiglioli
  • Lapa
  • Pacaembú
  • Perdizes
  • Perús
  • Pinheiros
  • Pirituba
  • Raposo Tavares
  • Rio Pequeno
  • São Domingos
  • Sumaré
  • Vila Leopoldina
  • Vila Sonia
  • Aeroporto
  • Água Funda
  • Brooklin
  • Campo Belo
  • Campo Grande
  • Campo Limpo
  • Capão Redondo
  • Cidade Ademar
  • Cidade Dutra
  • Cidade Jardim
  • Grajaú
  • Ibirapuera
  • Interlagos
  • Ipiranga
  • Itaim Bibi
  • Jabaquara
  • Jardim Ângela
  • Jardim América
  • Jardim Europa
  • Jardim Paulista
  • Jardim Paulistano
  • Jardim São Luiz
  • Jardins
  • Jockey Club
  • M'Boi Mirim
  • Moema
  • Morumbi
  • Parelheiros
  • Pedreira
  • Sacomã
  • Santo Amaro
  • Saúde
  • Socorro
  • Vila Andrade
  • Vila Mariana
  • Água Rasa
  • Anália Franco
  • Aricanduva
  • Artur Alvim
  • Belém
  • Cidade Patriarca
  • Cidade Tiradentes
  • Engenheiro Goulart
  • Ermelino Matarazzo
  • Guianazes
  • Itaim Paulista
  • Itaquera
  • Jardim Iguatemi
  • José Bonifácio
  • Moóca
  • Parque do Carmo
  • Parque São Lucas
  • Parque São Rafael
  • Penha
  • Ponte Rasa
  • São Mateus
  • São Miguel Paulista
  • Sapopemba
  • Tatuapé
  • Vila Carrão
  • Vila Curuçá
  • Vila Esperança
  • Vila Formosa
  • Vila Matilde
  • Vila Prudente
  • São Caetano do sul
  • São Bernardo do Campo
  • Santo André
  • Diadema
  • Guarulhos
  • Suzano
  • Ribeirão Pires
  • Mauá
  • Embu
  • Embu Guaçú
  • Embu das Artes
  • Itapecerica da Serra
  • Osasco
  • Barueri
  • Jandira
  • Cotia
  • Itapevi
  • Santana de Parnaíba
  • Caierias
  • Franco da Rocha
  • Taboão da Serra
  • Cajamar
  • Arujá
  • Alphaville
  • Mairiporã
  • ABC
  • ABCD
  • Bertioga
  • Cananéia
  • Caraguatatuba
  • Cubatão
  • Guarujá
  • Ilha Comprida
  • Iguape
  • Ilhabela
  • Itanhaém
  • Mongaguá
  • Riviera de São Lourenço
  • Santos
  • São Vicente
  • Praia Grande
  • Ubatuba
  • São Sebastião
  • Peruíbe

Estados onde atendemos

  • Rio de Janeiro
  • São Gonçalo
  • Duque de Caxias
  • Nova Iguaçu
  • Niterói
  • Belford Roxo
  • São João de Meriti
  • Campos dos Goytacazes
  • Petrópolis
  • Volta Redonda
  • Magé
  • Itaboraí
  • Mesquita
  • Nova Friburgo
  • Barra Mansa
  • Macaé
  • Cabo Frio
  • Nilópolis
  • Teresópolis
  • Resende
  • Belo Horizonte
  • Uberlândia
  • Contagem
  • Juiz de Fora
  • Betim
  • Montes Claros
  • Ribeirão das Neves
  • Uberaba
  • Governador Valadares
  • Ipatinga
  • Santa Luzia
  • Sete Lagoas
  • Divinópolis
  • Ibirité
  • Poços de Caldas
  • Patos de Minas
  • Teófilo Otoni
  • Sabará
  • Pouso Alegre
  • Barbacena
  • Varginha
  • Conselheiro Lafeiete
  • Araguari
  • Itabira
  • Passos
  • Serra
  • Vila Velha
  • Cariacica
  • Vitória
  • Cachoeiro de Itapemirim
  • Linhares
  • São Mateus
  • Colatina
  • Guarapari
  • Aracruz
  • Viana
  • Nova Venécia
  • Barra de São Francisco
  • Santa Maria de Jetibá
  • Castelo
  • Marataízes
  • São Gabriel da Palha
  • Domingos Martins
  • Itapemirim
  • Afonso Cláudio
  • Alegre
  • Baixo Guandu
  • Conceição da Barra
  • Guaçuí
  • Iúna
  • Jaguaré
  • Mimoso do Sul
  • Sooretama
  • Anchieta
  • Pinheiros
  • Pedro Canário
  • Bertioga
  • Caraguatatuba
  • Cubatão
  • Guarujá
  • Ilhabela
  • Itanhaém
  • Mongaguá
  • Riviera de São Lourenço
  • Santos
  • São Vicente
  • Praia Grande
  • Ubatuba
  • São Sebastião
  • Peruíbe
  • São José dos campos
  • Campinas
  • Jundiaí
  • Sorocaba
  • Indaiatuba
  • São José do Rio Preto
  • Itatiba
  • Amparo
  • Barueri
  • Ribeirão Preto
  • Marília
  • Louveira
  • Paulínia
  • Bauru
  • Valinhos
  • Bragança Paulista
  • Araraquara
  • Americana
  • Atibaia
  • Taubaté
  • Araras
  • São Carlos
  • Itupeva
  • Mendonça
  • Itu
  • Vinhedo
  • Marapoama
  • Votuporanga
  • Hortolândia
  • Araçatuba
  • Jaboticabal
  • Sertãozinho
  • Curitiba
  • Londrina
  • Maringá
  • Ponta Grossa
  • Cascavel
  • São José dos Pinhais
  • Foz do Iguaçu
  • Colombo
  • Guarapuava
  • Paranaguá
  • Araucária
  • Toledo
  • Apucarana
  • Pinhais
  • Campo Largo
  • Almirante Tamandaré
  • Umuarama
  • Paranavaí
  • Piraquara
  • Cambé
  • Sarandi
  • Fazenda Rio Grande
  • Paranavaí
  • Francisco Beltrão
  • Pato Branco
  • Cianorte
  • Telêmaco Borba
  • Castro
  • Rolândia
  • Joinville
  • Florianópolis
  • Blumenau
  • Itajaí
  • São José
  • Chapecó
  • Criciúma
  • Jaraguá do sul
  • Lages
  • Palhoça
  • Balneário Camboriú
  • Brusque
  • Tubarão
  • São Bento do Sul
  • Caçador
  • Concórdia
  • Camboriú
  • Navegantes
  • Rio do Sul
  • Araranguá
  • Gaspar
  • Biguaçu
  • Indaial
  • Mafra
  • Canoinhas
  • Itapema
  • Porto Alegre
  • Caxias do Sul
  • Pelotas
  • Canoas
  • Santa Maria
  • Gravataí
  • Viamão
  • Novo Hamburgo
  • São Leopoldo
  • Rio Grande
  • Alvorada
  • Passo Fundo
  • Sapucaia do Sul
  • Uruguaiana
  • Santa Cruz do Sul
  • Cachoeirinha
  • Bagé
  • Bento Gonçalves
  • Erechim
  • Guaíba
  • Cachoeira do Sul
  • Santana do Livramento
  • Esteio
  • Ijuí
  • Alegrete
  • Recife
  • Jaboatão dos Guararapes
  • Olinda
  • Caruaru
  • Petrolina
  • Paulista
  • Cabo de Santo Agostinho
  • Camaragibe
  • Garanhuns
  • Vitória de Santo Antão
  • Igarassu
  • São Lourenço da Mata
  • Abreu e Lima
  • Santa Cruz do Capibaribe
  • Ipojuca
  • Serra Talhada
  • Araripina
  • Gravatá
  • Carpina
  • Goiana
  • Belo Jardim
  • Arcoverde
  • Ouricuri
  • Escada
  • Pesqueira
  • Surubim
  • Palmares
  • Bezerros
  • Salvador
  • Feira de Santana
  • Vitória da Conquista
  • Camaçari
  • Itabuna
  • Juazeiro
  • Lauro de Freitas
  • Ilhéus
  • Jequié
  • Teixeira de Freitas
  • Alagoinhas
  • Barreiras
  • Porto Seguro
  • Simões Filho
  • Paulo Afonso
  • Eunápolis
  • Santo Antônio de Jesus
  • Valença
  • Candeias
  • Guanambi
  • Jacobina
  • Serrinha
  • Senhor do Bonfim
  • Dias d'Ávila
  • Luís Eduardo Magalhães
  • Itapetinga
  • Irecê
  • Campo Formoso
  • Casa Nova
  • Brumado
  • Bom Jesus da Lapa
  • Conceição do Coité
  • Itamaraju
  • Itaberaba
  • Cruz das Almas
  • Ipirá
  • Santo Amaro
  • Euclides da Cunha
  • Fortaleza
  • caucacia
  • Juazeiro do Norte
  • Maracanaú
  • Sobral
  • Crato
  • Itapipoca
  • Maranguape
  • Iguatu
  • Quixadá
  • Canindé
  • Pacajus
  • Crateús
  • Aquiraz
  • Pacatuba
  • Quixeramobim
  • São Luís
  • Imperatriz
  • São José de Ribamar
  • Timon
  • Caxias
  • Codó
  • Paço do Lumiar
  • Açailândia
  • Bacabal
  • Balsas
  • Barra do Corda
  • Teresina
  • São Raimundo Nonato
  • Parnaíba
  • Picos
  • Uruçuí
  • Floriano
  • Piripiri
  • Campo Maior
  • Goiânia
  • Aparecida de Goiânia
  • Anápolis
  • Rio Verde
  • Luziânia
  • Águas Lindas de Goiás
  • Valparaíso de Goiás
  • Trindade
  • Formosa
  • Novo Gama
  • Itumbiara
  • Senador Canedo
  • Catalão
  • Jataí
  • Planaltina
  • Caldas Novas
  • Campo Grande
  • Dourados
  • Três Lagoas
  • Corumbá
  • Ponta Porã
  • Cuiabá
  • Várzea Grande
  • Rondonópolis
  • Sinop
  • Tangará da Serra
  • Cáceres
  • Sorriso
  • Manaus
  • Parintins
  • Itacoatiara
  • Manacapuru
  • Coari
  • Centro Amazonense
  • Belém
  • Ananindeua
  • Santarém
  • Marabá
  • Castanhal
  • Parauapebas
  • Itaituba
  • Cametá
  • Bragança
  • Abaetetuba
  • Bragança
  • Marituba